Gamificação no Recrutamento e Seleção.

Saiba como usar a estratégia de gamificação no seu processo seletivo e veja todos os seus benefícios.

O conceito de gamificação é utilizar jogos digitais nos processos cotidianos da empresa ou nos processos seletivos, ajudando no engajamento do candidato.

Vamos focar no processo de recrutamento e seleção.  O recrutador precisa ter em mente que o objetivo de gamificar o processo seletivo é incentivar o candidato a utilizar suas competências e habilidades.

O que a gamificação avalia?

gamificação

Criatividade - A gamificação propõe pensar de uma forma inovadora e criativa para solucionar os desafios propostos.

Raciocínio Lógico -  Gamificação exige rápido raciocínio para resolver os desafios definir e estratégias para entender os enigmas. Além disso, analisa como o candidato age sob pressão.

Trabalho em equipe - É preciso ouvir os outros e seguir direcionamentos, mas também é importante dar suas opiniões e liderar a equipe.

Que tipos de games que fazem parte da gamificação do processo seletivo?

Gamificação

Existem diversos tipos de jogos para fazer com o candidato. Desde simular alguns desafios que ele possa ter durante seu dia de trabalho, até um quiz para testar seus conhecimentos. Outras ideias de game são:

  • Jogos interativos
  • Apresentações dinâmicas
  • Competições

O interessante da gamificação é que os participantes estão se divertindo e nem percebem que os recrutadores estão observando, analisando e extraindo informações para avaliá-los.

Antes de implementa-lá no processo de recrutamento e seleção da sua empresa, é necessário definir qual o perfil  para aquela vaga, definindo seus principais objetivos ao utilizar essa ferramenta.

Além de conseguir identificar o fit cultural, a gamificação proporciona outros objetivos, como:

  • Assertividade na contratação

A gamificação te permite testar os candidatos em diferentes níveis de competência, conseguindo mensurar de forma rápida e objetiva se ele é o candidato ideal para aquela vaga.

Outra vantagem é que por não ser um processo seletivo tradicional, os candidatos vão mais animados e relaxados. Assim, eles ficam mais espontâneos na hora da avaliação e o recrutador conseguirá analisar o perfil deles de forma mais natural e coerente.

  • Engajamento e atração

 Processos de recrutamento que utilizam essa estratégia, por serem diferentes e mais interativos, fazem os candidatos se interessarem mais pela empresa, fazendo-os ficarem engajados com a organização desde o processo seletivo.

Consequentemente, melhorará sua atração de talentos, pois a gamificação trará mais visibilidade para o seu negócio e os profissionais que gostam de desafios e de um ambiente inovador, certamente irão se candidatar as vagas.

  • Feedback

Feedback gamificação

A dica é sempre tentar formas de usar a gamificação na empresa, não somente na hora do processo seletivo.

Como permite analisar sempre o desempenho do colaborador, ela acaba permitindo também o gerente a dar um feedback mais claro ao funcionário. Assim, ele consegue saber exatamente o que a empresa espera dele.

Assim, a comunicação fica mais dinâmica e eficiente dos dois lados, tornando o ambiente de trabalho mais descontraído.

Quais são os estímulos da gamificação?

A dinâmica dos jogos permite usar vários estímulos, tais como:

  • Passar de fase.
  • Aumentar a pontuação do candidatos
  • Prêmios
  • Comissões

O uso da gamificação no seu processo de recrutamento e seleção traz diversos benefícios e vantagens, tanto para o colaborador quanto para os recrutadores. Experimente essa estratégia.